Postado por Karen

Em geral, as quedas não apresentam problemas para o bebê, mas o melhor é evitá-las. Saiba como:

Cair durante a gravidez não acontece apenas com as mulheres mais distraídas, não. Os tombos durante os nove meses são mais comuns do que você imagina, por isso é preciso atenção para evitá-los. Segundo o ginecologista e obstetra Alexandre Pupo Nogueira, do Hospital Sírio-Libanês (SP), a gestante tem mais chance de cair porque o centro de equilíbrio é deslocado para a frente por conta da barriga que cresce, principalmente depois do sétimo mês.

Um simples tropeção, que antes da gravidez não tirava o seu equilíbrio, agora pode ser motivo de queda. Mas não se assuste. Segundo Pupo, sofrer um aborto por causa de um tombo é raro, a não ser que a gestante já tenha alguma complicação prévia. “O impacto de cair no chão pode deslocar a placenta, fazendo com que ela se solte do útero, o que gera sangramento e pode levar ao aborto, em especial nas mulheres que têm um problema com a placenta”, diz.

Na maioria das vezes, o máximo que vai acontecer com o seu bebê na barriga, caso você caia, é ele sentir um chacoalhão, sem danos maiores, porque ele está protegido por uma bolha de água. Já a mãe pode sofrer um pouco mais, com uma entorse, por exemplo.

E o que fazer se você cair? Em primeiro lugar, levante-se devagar, de preferência com auxílio de outra pessoa, para sua pressão não cair. Então ligue para o seu médico para que ele a oriente sobre o que fazer. Em alguns casos, ele pode pedir para que vá a um pronto-socorro, para que você e o bebê sejam avaliados.

PREVENÇÃO

Como prevenir é sempre o melhor, confira dicas de como as quedas durante os nove meses.

– Não suba em bancos e escadas para pegar coisas do armário;

– Use sapatos baixos, que facilitam o equilíbrio;

– Controle o seu peso. Em excesso, diminui os reflexos;

– Cozinha e banheiro são áreas de maior risco. Não ande no piso molhado, para evitar escorregões;

– Nos esportes, prefira os aquáticos. Os feitos em solo devem ser de baixo impacto e realizados sentada, deitada ou ajoelhada.

Deixe seu comentário